Notícias

Shopping de Belém instala redes de proteção para evitar acidentes e quedas

Um shopping, localizado na avenida Visconde Souza Franco, no bairro do Reduto, em Belém, aderiu a redes de proteção como medida de segurança para evitar acidentes e quedas. Circulam nas redes sociais, neste domingo (4), imagens que mostram as redes de proteção instaladas entre os pisos, nos vãos que ficam entre os andares.

VEJA MAIS

[[(standard.Article) Shopping em Belém abre espaço para acolhimento emocional de clientes e funcionários]]

[[(standard.Article) Shopping de Belém instala grades de segurança para evitar acidentes e quedas]]

Na semana passada, o shopping ressaltou que “vem dialogando com diversos órgãos setoriais, governamentais e de valorização da vida para contribuir com o desenvolvimento de medidas que colaborem com a prevenção dessas ocorrências”.

Outras medidas de segurança já haviam sido anunciadas pelo shopping. Na última segunda-feira (29), o estabelecimento disse ter aumentado a equipe de segurança e colocou grades de proteção para evitar o acesso dos clientes ao parapeito. A medida dividiu opiniões nas redes sociais e, desde quinta (1º), o shopping começou a oferecer serviço de acolhimento psicoemocional para clientes, colaboradores e terceirizados de forma totalmente gratuita. 

A iniciativa pode ser acessada todos os dias, no horário de funcionamento do shopping, das 10h às 22h. Interessados podem agendar um horário presencialmente no primeiro piso, ao lado da loja VBeauty. O espaço é coordenado por uma equipe técnica especializada composta por psicanalistas, psicólogos e assistentes sociais. Os participantes contam com sigilo e discrição.

Saiba onde buscar ajuda

Pessoas que sofrem com depressão e não conseguem buscar ajuda de profissional de saúde ou, mesmo aquelas com risco de suicídio, podem ainda buscar apoio em conversas com os voluntários do Centro de Valorização da Vida (CVV), em parceria com o SUS (Sistema Único de Saúde), pelo número 188. Por esse canal de comunicação, os cidadãos recebem apoio em momentos de crise.

Em casos de emergência, a população deve recorrer ao Samu 192, às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Pronto-Socorros e ao setor de Emergência Psiquiátrica do Hospital de Clínicas Gaspar Vianna, em Belém.

Fonte: OLiberal.com 

Deixe aqui seu comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Acessibilidade