Notícias

Saiba porquê não se deve dormir de cabelo molhado

Após lavar o cabelo tarde da noite, muitas pessoas têm preguiça de secá-lo e decidem dormir com ele molhado. Porém, esse hábito causa problemas capilares, como a seborreia e a caspa. Apesar de existirem algumas técnicas simples, a melhor forma de evitá-los é enxugar bem os fios.
Embora não seja prejudicial em todos os casos, existem certos aspectos a serem considerados:
1. Crescimento de fungos e bactérias: Quando o cabelo fica molhado por um longo período de tempo, especialmente em um ambiente quente e abafado como o travesseiro, pode criar um ambiente propício para o crescimento de fungos e bactérias. Isso pode levar a problemas no couro cabeludo, como coceira, descamação e até mesmo infecções.
+ Frases que toda mãe usa: qual delas faz você lembrar da sua?
2. Danos aos fios: O cabelo molhado é mais frágil e suscetível a danos. O atrito com o travesseiro durante o sono pode causar quebra e danificar os fios. Além disso, se o cabelo estiver muito molhado, pode se embaraçar facilmente, tornando mais difícil desembaraçá-lo no dia seguinte.
+ Veja 3 dicas de como evitar doce e não atrapalhar sua dieta
3. Umidade prolongada: Ao dormir com o cabelo molhado, a umidade pode ser mantida por mais tempo nos fios, o que pode levar ao ressecamento excessivo. Isso ocorre porque o cabelo molhado retém água por mais tempo, e o tempo prolongado em contato com a umidade pode deixar os fios frágeis, opacos e propensos à quebra.
4. Problemas no couro cabeludo: Dormir com o cabelo molhado também pode contribuir para problemas no couro cabeludo, como dermatite seborreica ou caspa. A umidade excessiva pode aumentar a produção de óleo no couro cabeludo, causando irritação e descamação.
No entanto, é importante ressaltar que esses efeitos negativos podem variar de pessoa para pessoa. Algumas pessoas podem não ter problemas ao dormir com o cabelo molhado ocasionalmente, desde que tomem cuidados adequados, como usar um travesseiro de material absorvente, secar o cabelo parcialmente antes de deitar ou escolher um penteado que minimize o atrito e os embaraços. No entanto, como precaução geral, é recomendado evitar dormir com o cabelo completamente molhado sempre que possível.

Fonte: Diário do Pará 

Deixe aqui seu comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Acessibilidade