Notícias

Mãe faz DNA e descobre que filho é de outro pai

Uma família decidiu fazer testes de DNA “por diversão” e a mãe ficou em choque ao descobrir que seu filho mais novo era, na verdade, filho de um outro pai. O casal havia feito fertilização in vitro na segunda gestação em uma clínica.
Donna Johnson, 47, e seu marido Vanner, 47, fizeram testes de DNA junto com seus dois filhos -Vanner Jr, 18, e Tim, 12. Ela explicou que eles fizeram o procedimento como uma brincadeira. Mas quando obtiveram os resultados, Donna teve uma surpresa. “Lendo os resultados dos testes de DNA online, percebi que havia um erro”, disse a mãe ao The Sun.
Vanner é o pai do filho mais velho, mas os resultados mostravam que ele não era o pai do segundo. Donna concluiu que poderia ter havido uma confusão na clínica de fertilização in vitro.
Vanner e Donna, de Salt Lake City, Utah (EUA), se conheceram no colégio e se casaram em 2003. Os dois tiveram seu primeiro filho, Vanner Jr, e estavam ansiosos para ter outro filho. No entanto, ela havia tido problemas saúde e o casal recorreu à fertilização in vitro em 2007, usando os óvulos de Donna e o esperma de Vanner.
A primeira tentativa falhou, mas naquela mesma época eles tentaram novamente e obtiveram sucesso. E o filho mais novo, Tim, nasceu em agosto de 2008. Veja também:Nascem primeiros filhotes de diabo-da-tasmânia na AustráliaNoivos desistem de casar e viram padre e freira na ItáliaApós o resultado dos exames de DNA, Donna disse que eles decidiram contar a verdade a Tim. Algumas semanas depois, o adolescente disse a seus pais que queria rastrear seu pai biológico. Um novo teste os ajudou a rastrear uma mulher que poderia ser a tia biológica do jovem.
A família encontrou um blog escrito pelo irmão da mulher, um homem chamado Devin McNeil que morava no Colorado. Eles entraram em contato com Devin e sua esposa, Kelly. O casal, que esteve na mesma clínica de fertilização in vitro, desconfiou da história, mas topou fazer um teste de DNA. 
Descobriu-se que os casais estiveram na mesma clínica de fertilização in vitro no mesmo dia, 14 anos antes. Os testes de DNA confirmaram que Devin era o pai de Tim. Donna havia ido para a recuperação de óvulos, enquanto Kelly foi para a implantação de embriões para seu filho mais velho, Talon. 
As famílias mantêm contato por meio de ligações regulares, mensagens de texto e bate-papos por vídeo. 

Fonte: Diário do Pará 

Deixe aqui seu comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Acessibilidade