Notícias

Comunidade italiana no Pará comemora a Proclamação da República da Itália

Pela primeira vez a comunidade italiana no Estado do Pará se reuniu para comemorar a Proclamação da República da Itália. O encontro ocorreu na noite desta sexta-feira (02) no restaurante Famiglia D’Italia, no Shopping Boulevard, com a apresentação do tenor Andrew Lima, que cantou o repertório italiano. O evento foi organizado pelo Comitê dos Italianos no Exterior (COM.IT.ES/Brasília) juntamente com a Federazione Italiana CuochiFIC Brasile, por meio da Diretoria FIC Brasile Nord.

A atividade já é uma prévia das comemorações pelos 150 anos de imigração italiana no Brasil que ocorrerá em 2024. A atividade contou também com a presença da vice-presidente do Grupo Liberal e vice-cônsul honorária da Itália no Pará, Rosângela Maiorana.

As comemorações ocorreram simultaneamente em sete capitais brasileiras em Brasília (DF), Manaus (AM), Boa Vista (RR), Palmas (TO), Macapá (AP) e Belém (PA). A data de 02 de junho é comemorada pelos italianos como a Festa da República Italiana. Ao final da Segunda Guerra Mundial, com a queda do governo fascista de Benito Mussolini, os italianos foram chamados a um referendo nos dias 2 e 3 de junho de 1946 para escolher se o país permaneceria como monarquia ou se tornaria uma república. Os italianos escolheram pela república, em seguida votaram para eleger uma assembleia constituinte. Em 1º de janeiro de 1948, foi promulgada uma nova Constituição que deu início à República Italiana.

LEIA MAIS:

[[(standard.Article) Começa o Festival Itália Mia em Belém]]

[[(com.atex.plugins.image-gallery.MainElement) Proclamação da Itália]]

[[(standard.Article) Festival Itália Mia homenageia o jornalista Romulo Maiorana]]

Segundo o advogado e empresário Antônio dos Santos Neto, 62 anos, delegado encarregado da comemoração pela Proclamação da República da Itália e membro da FIC, nada é mais simbólico para os italianos do que a comida. “É um país com uma história muito grande. A Proclamação da Itália fez uma mudança importante no governo. E nada mais importante para marcar isso do que com a comida. Quando se fala de Itália, se lembra de comida, antes de qualquer coisa”, atestou. A FIC possui mais de 700 chefs associados no Brasil, entre eles Edu Guedes, Alberto Ravioli e Bruno Stippe.

Ele adiantou que o intuito do Comitê dos Italianos no Exterior e da FIC é realizar uma grande comemoração no próximo ano para festejar os 150 anos da imigração italiana no Brasil. “Esse é um evento preparatório para as comemorações da comunidade italiana que ocorrerão no ano que vem com os 150 anos da imigração. Estamos pensando em fazer workshops, congressos, cursos, uma feira gastronômica italiana e muito mais”, adiantou o chef e empresário conhecido como Neto da Doca.

A vice-presidente do Grupo Liberal e vice-cônsul honorária da Itália no Pará, Rosângela Maiorana, considera que esses eventos aproximam a comunidade de italianos e descendentes no Pará. “Esse momento da festa da república italiana é muito importante para despertar entre os italianos da região essa união que deve existir entre todos os descendentes que vivem no Pará”, afirmou. “A Itália exerce uma atração muito grande, não só entre os italianos, mas entre todas as pessoas que amam a culinária italiana. Esses momentos são especiais para que a gente aflore essa paixão pela Itália”, complementou.

Para o proprietário do restaurante Famiglia D’Itália, Fabrizio Guaglianone, a cultura italiana tem sua marca no Estado do Pará, desde a culinária até a arquitetura. “A gente pode ver muito na cultura, na arquitetura, e principalmente na gastronomia. Uma gastronomia que tem uma facilidade de aceitação dos paraenses e isso faz com que a gente tenha um equipamento de lazer muito atrativo para o povo paraense que são todos aqueles que de alguma forma potencializam a cultura italiana seja pela dança, pela gastronomia, pela arte, e também nesse intercâmbio de viagens, com os paraenses que viajam bastante para Itália”, destacou. 

Fonte: OLiberal.com 

Deixe aqui seu comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Acessibilidade