Notícias

Abel diz que nem mãe mudará seu comportamento “intenso”

O 3 a 1 aplicado pelo Palmeiras sobre o Coritiba, em jogo realizado neste domingo (4) no Allianz Parque e válido pelo Campeonato Brasileiro, recolocou o clube paulista na rota de vitórias e, de quebra, acalmou um “intenso” Abel Ferreira, que deixou o campo “ileso”.
VITÓRIA TRANQUILA COM ABEL INTENSO
O time voltou a ganhar após dois tropeços longe de São Paulo: um empate contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte, e uma derrota para o Fortaleza, no Castelão —diante dos nordestinos pela Copa do Brasil, o Palmeiras “jogou com o regulamento”, já que havia largado em vantagem na partida de ida.LEIA TAMBÉM:Rony brilha e Palmeiras encosta na liderança do BrasileirãoLuan, do Corinthians, fura fila em restaurante e é expulsoA tranquilidade do 3 a 1 deste domingo serviu para abafar a intensidade de Abel Ferreira. O português até recebeu um “aviso” do árbitro ainda aos dez minutos de jogo e contestou o amarelo que Gustavo Gómez levou por reclamação, mas saiu do gramado sem ser punido.
O episódio deste domingo foi bastante diferente em relação ao visto na semana passada, quando o português acabou expulso no segundo tempo do duelo contra o Fortaleza por discordar das atitudes da arbitragem.
O comportamento do técnico durante os 90 minutos, no entanto, não será mudado por ninguém —nem, segundo ele mesmo, por sua mãe ou seu pai.
O próprio Abel alertou os jornalistas sobre a manutenção da sua postura “intensa” em uma longa entrevista coletiva, marcada por incômodos com perguntas e ironia com repórteres que questionaram seus gestos à beira do campo.
“Eu reparo que há muita gente que gosta de ter o Abel na boca. No último jogo, os próprios comentaristas estavam sempre com o Abel na boca: que tomou não sei quantos amarelos, que não sei o quê… é uma coisa que vocês têm que entender: sou um treinador, dentro das quatro linhas, intenso. Isso não vai mudar em mim. Quando isso mudar, deixo de ser treinador. Não vai ser nem comentário, nem jornalista, nem meu pai e nem minha mãe que vão alterar aquilo que é meu caráter no jogo. Sou um treinador intenso ali dentro e isso não vai alterar. […] Eu não sei por que você repara muito em mim. Sou um personagem interessante? Obrigado, fantástico”, disse Abel, em entrevista coletiva.
Com o intenso Abel, o Palmeiras volta a jogar na quarta-feira (7) justamente no Allianz Parque. O desafio é contra o Barcelona-EQU, pela Libertadores.VEJA MAIS:

Fonte: Diário do Pará 

Deixe aqui seu comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Acessibilidade